ANP Niger : Les USA forment 60 joueurs et entraineurs de la FENIFOOT MAP Le Maroc a connu un grand essor depuis l’accession de SM le Roi Mohammed VI au Trône (responsable malawite) AIB Commune de Léo: L’espace de l’aérodrome assaini MAP Manifestations anti-PLF: Une partie du Parlement kényan incendiée AIB Burkina : Les Forces armées lavent leur honneur à Mansila AIB Kourittenga : Le tournoi de Karaté en petite catégorie tient sa promesse AIB Burkina: Arrivée du président Goïta à Ouagadougou AIP JPP 2024 : Le ministre des Finances et du Budget présente les performances du service public AIP Le président de la République d’Angola attendu à Abidjan pour une visite officielle ANG Política/Noventa e quatro porcento de Deputados querem reabertura do Parlamento

Cultura/”Tenho em carteira a gravação de um vídeo na Guiné-Bissau”, diz cantora cabo-verdiana Verónica Lii


  25 Mai      63        Arts & Cultures (3220),

 

Bissau, 25 Mai 23 (ANG) – A artista cabo-verdiana  » Verónica Lii » que se encontra no país há duas semanas para a prospeção do mercado, à convite do músico da nova geração guineense “Makadenys”, disse que   perspectiva  gravar um video clip na Guiné-Bissau.

Patrícia Andrade Borges Semedo vulgo  » Verónica Lii », em entrevista exclusiva à Agência de Notícias da Guiné (ANG), disse que  pensa fazer mais duas músicas com Leonides Lopes Albino  » Makadennis », em vídeo clips na Guiné-Bissau, e que está  disponível para parcerias com outros artistas.

« A minha primeira música foi gravada quando tinha 15 anos, e depois de ser mãe assumi outras responsabilidades. Em 2018 peguei a música com mais garra”, salientou.

Verónica salientou que a música é algo de que sempre gosta,  e que desde que não prejudica à ninguém, constitui um meio de descobrir os propósitos de vida, A artista que reside em Portugal, disse ter sete músicas mas  nenhum álbum editado e que tirou todas elas pouco-à-pouco num « single » e que para  além da Guiné-Bissau já atuou em Portugal e Cabo Verde.

“Mas quero expandir ainda mais. O meu desejo  é atuar em outros palcos do mundo”, declarou.

Verónica Lii disse que adorou estar na Guiné-Bissau, porque os guineenses são “super  hospitaleiro” que convive  sempre com sorriso no rosto, maravilhoso, com bom coração.

Prometeu voltar mais vezes a Bissau para conhecer melhor  o país, sobretudo as ilhas Bijagós, que só conheceu nesta viagem.

Apesar de estar encantada com o país e com as pessoas que considera de maravilhosas, a cantora mostrou-se indignada com lixos que viu por tudo quanto é lado em Bissau.

E para mudar essa situação a cantora pede aos citadinos de Bissau para mudaram o comportamento em relação ao lixo que produzem.

Disse que o dia- à-dia dos artistas cabo-verdianos é uma batalha, sobretudo para ela que ainda não está cem por cento reconhecida musicalmente.

Verónica Lii disse que já começou a trabalhar no sentido de lançar um  álbum e que espera , dentro de um ano ou mais, ter o seu primeiro álbum musical.

Dans la même catégorie