MAP SM le Roi adresse un discours à la Nation à l’occasion du 22ème anniversaire de la Fête du Trône (Texte intégral) GNA Sandema Hospital holds staff durbar GNA COVID-19; Group commends Health Minister’s efforts in fighting the pandemic AGP COVID-19: Don’t deny non-masked patients health care-Medical Officer AGP Kindia-Examen du CEE: 12554 candidats dont 5683 filles répartis dans 42 centres AGP Matam-Examen du CEE : 5.835 candidats dont 3122 filles répartis dans 13 centres AGP Gueckédou-Administration : Passation de service entre les sous-préfets sortant et entrant de Koundou Léngo Bèngou AGP Mamou-Education : 14 458 candidats à l’examen de fin d’étude élémentaire  dont 7 012 filles dans la région AGP Boké-Education : 12.620 candidats dont 5.749 filles au compte du CEE AGP Matoto-Education : Lancement des épreuves de l’Examen d’entrée en 7eme année session 2021

Gestora defende maior divulgação sobre independência


  6 Novembre      18        Politique (17962),

   

Ondjiva, 06 de Novembro – A necessidade da criação de espaços para a divulgação profunda da história que marcou a proclamação da independência nacional em 1975, nas escolas do I e II ciclo, foi defendida, nesta terça-feira (05), em Ondjiva, no Cunene, pela directora provincial da Cultura, Lúcia Yoleni

Ao falar numa palestra que marcou a abertura da jornada comemorativa dos 44 anos da Independência Nacional, a assinalar-se a 11 de Novembro próximo, Lúcia Yoleni disse que as escolas devem criar temas a volta do assunto para motivar os alunos o gosto pela pesquisa e aumentarem o conhecimento da história.

“Devemos conhecer a história do nosso país, procurar transmitir as novas gerações no sentido de crescerem enquadradas por dentro da sociedade”, afirmou.

Fez saber que a independência foi proclamada fruto do espírito patriótico demonstrado pelos angolanos que na altura lutaram para estarem livre da escravatura, opressão, humilhação, torturas, analfabetismo e outros males impostos pelo regime colonial português.

A responsável destacou a importância da conquista da independência nacional, que, passados estes anos, muitas transformações no país aconteceram, nomeadamente a situação política, social, económica e cultural, em prol do bem-estar da população.

A palestra com tema “Angola antes e depois da proclamação da independência” foi dirigida aos alunos da escola do Magistério primário de Ondjiva e do colégio Pitágora, da cidade de Ondjiva.

Durante a jornada, várias actividades serão desenvolvidas, entre as quais destaca-se palestras, visitas aos empreendimentos de impacto social, actividades desportivas, culturais, recreativas, entre outras.

Dans la même catégorie