ANP Table ronde de Paris de financement du PDES : Le Niger compte mobiliser plus 10.670 milliards FCFA ANP Le Niger mobilise ses partenaires pour le financement du PDES AIP Un terrain de sport rénové et équipé mis à la disposition de l’orphelinat de Grand-Bassam AIP Point de la situation de la COVID-19 : un seul cas enregistré le 4 décembre 2022 AIP REVUE DE PRESSE : L’appel de la CEDEAO aux autorités maliennes pour la libération des 46 soldats ivoiriens principal sujet à la Une des journaux AIP Le Qatar confirme sa présence à la CAN à Abidjan AIP Les juristes d’entreprise annoncent des journées de promotion de leur métier à Abidjan AIP Prof Adama Diawara appelle les chercheurs à trouver des réponses concrètes aux problèmes des Ivoiriens AIP Qatar 2022 : Le Sénégal éliminé suite à sa défaite contre l’Angleterre (0-3) APS Le coach des Lions : « Les Anglais nous étaient supérieurs »

José Luiz Tavares lança quinta-feira em Portugal novo livro de poesia “Arder a vida inteira”


  23 Juillet      34        Arts & Cultures (2355), Livres (294),

   

Cidade da Praia, 23 de Jul (Inforpress) – Chama-se “Arder a vida inteira” o novo livro de José Luiz Tavares, “um livrinho” de fados e canções”, uma tentativa de abordar, de uma “forma quiçá mais ligeira”, certos temas ligados à tradição fadista, ou mais “latamente às canções”.
Com a chancela da editora Abysmo, a obra terá a apresentação de Luís Carlos Patraquim, com leituras de Valério Romão e participação musical da cantora cabo-verdiana Maria Alice.
José Luiz Tavares, 52 anos, vai dar a conhecer ainda este ano, em Outubro, um livro denso, “Instruções para Uso Posterior ao Naufrágio”, meditações éticas e estéticas em verso, que arrecadou o Prémio Vasco Graça Moura, da Imprensa nacional Casa da Moeda, em finais de 2018.
Para 2019, o poeta pretende dar à estampa, pela editora Pedro Cardoso, um grosso volume intitulado “Uma Pedra Contra o Firmamento [Arremessos de um rezinga com o dedo do meio apontado às fuças do mundo].
Esta obra reúne, segundo o poeta, textos de intervenções avulsas, escritos nos últimos anos, as polémicas em que se envolveu com certas figuras “manhentas” da cultura cabo-verdiana, e também as muitas entrevistas dadas aos órgãos de comunicação escritos, e críticas e estudos sobre a obra produzida até agora.
“Há ainda a previsão de edição de um livro de poemas juvenis, “Tás a Atrofiar-me – Poemas para Anjos Travessos”, com ilustrações do belga Alain Corbel, uma co-edição entre a Abysmo e a Pedro Cardoso”, informou.
José Luís Tavares nasceu a 10 de Junho de 1967, no Tarrafal, ilha de Santiago, Cabo Verde. Estudou literatura e filosofia em Portugal, onde vive há quase três décadas.
JMV/ZS

Dans la même catégorie