ANP Tahoua : Cérémonie de réception d’un centre de prise en charge holistique des victimes de violences basées sur le genre ANP Tillabéri : Inauguration du laboratoire d’agro-écologie de l’Université Boubakar Bâ couplée à une journée porte ouverte ANP La journée mondiale contre le travail des enfants célébrée à Dosso ANP Niger : La Fondation Issoufou Mahamadou (FIM) tient sa première Assemblée Générale à Niamey GNA Assemblyman donates 30 coconuts seedlings GNA Komenda College of Education launches ‘One Student, One Tree’ Project. ACI l’Arpce appelée à plus de rigueur pour la sécurité des consommateurs ACI Point sur les chiffres fiscaux du budget indicatif de la loi rectificative APS ABDOULAYE FAYE ÉTAIT PÉTRI DE COURAGE ET D’INTÉGRITÉ (MACKY SALL) APS CORONAVIRUS : UN DÉCÈS ET 52 NOUVEAUX CAS ANNONCÉS

Ministra da Saúde, Maria de Jesus Trovoada, eleita Prémio Femina 2018


  20 Septembre      49        Leadership Africain (127), LeaderShip Feminin (320),

   

São-Tomé, 20 Set ( STP-Press) – A ministra são-tomense da saúde, Maria de Jesus Trovoada foi eleita Prémio Femina 2018 pelo mérito nas ciências de investigação relevante, devendo receber o galardão em Novembro próximo em Lisboa, Portugal. Soube-se hoje de fonte oficial.

Maria de Jesus Trovoada foi eleita como uma das « Notáveis Mulheres portuguesas e da lusofonia oriundas de Portugal, países de Expressão Portuguesa, das Comunidades portuguesas e Lusófonas e Luso-descendentes que se tenham distinguido com mérito ao nível profissional, cultural e humanitário no mundo, pelo conhecimento e pelo seu relacionamento com outras culturas », – acrescentou a fonte.

De acordo com a fonte, a entrega deste prémio vai acontecer num jantar a ter lugar no dia 24 de Novembro próximo às 20 horas no Aura Lounge Café na Praça do Comércio, em Lisboa, Portugal.

Além de grau de doutoramento em Antropologia Biológica pela Universidade de Coimbra, Maia Jesus Trovoada dos Santos tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Saúde Pública, tendo sido também investigadora no Instituto de Ciências da Gulbenkian, sustentou a mesma fonte.

Em Julho último, OMS congratula-se com o governo de São-Tomé e Príncipe por « progressos registados » na saúde nos últimos anos, tal como declarou a Directora Regional deste sistema da ONU para África, Matshidiso Moeti, na mais recente visita ao arquipélago.

 » São Tomé e Príncipe apresentou indicadores da saúde que demonstram que houve muitos progressos nos últimos anos » –disse a directora regional da OMS para África, tendo felicitado o governo e todas as entidades envolvidas na melhoria de serviços púbico de saúde em São-Tomé e Príncipe.

Dans la même catégorie