APS SENEGAL-SOCIETE / Madina Gounass : le ministre de l’Intérieur annonce des discussions pour dénouer la crise MAP Kenya: troisième journée de mobilisation contre le PLF 2024 MAP Sénégal: Ouverture d’une enquête sur les incidents survenus entre deux communautés religieuses dans le sud du pays (communiqué) APS SENEGAL-MEDIAS-PARTENARIAT / Une convention APS-RTS pour ”redynamiser l’échange de contenus” entre les deux médias APS SENEGAL-SANTE-POINT / Drépanocytose : 4900 enfants suivis à l’hôpital d’enfants Albert Royer de Fann (responsable) APS SENEGAL-MEDIAS-CINEMA / La RTS entame la diffusion d’une série de documentaires consacrés à des figures emblématiques du pays ANP FSSP: Plus de trois cents millions de contributions reçues ce 19 juin 2024 APS SENEGAL-ECONOMIE / La croissance économique projetée à plus de 10 % en 2025 (FMI) APS SENEGAL-ECONOMIE / Le Sénégal pourrait avoir accès à 230 milliards de FCFA vers la mi-juillet (FMI) ANP BEPC Session 2024 : Près de 120.000 candidats en lice

Música: Tcheka lança em Dezembro “Espera Mundo” para o despertar da esperança


  24 Mai      3        Arts & Cultures (3212),

 

Cidade da Praia, 24Mai (Inforpress) – O músico santiaguense Manuel  Lopes Andrade, conhecido no mundo artístico por “Tcheka” vai lançar, em Dezembro, o seu sexto álbum musical denominado “Espera Mundo”, informou o artista.
Em entrevista à Inforpress, Tcheka disse que este trabalho, que não foi lançado ainda “devido a alguns contratempos”, retrata o que tem acontecido no mundo passando pela pandemia até às alterações climáticas.
“Traz uma mensagem de despertar da esperança de que o mar leve as coisas más para nos trazer coisas boas”, contou o autor do “Argui”, lançado em 2003 e que marcou a sua estreia na discografia.
Tcheka avançou ainda que neste trabalho, que conta com sua produção, traz alguma inovação sem perder a sua identidade, fruto das experiências adquiridas nos espectáculos que tem realizado nos últimos anos pela Europa.
“Consegui fazer outra coisa, com novas sonoridades, mas sem perder a originalidade de Tcheka”, precisou o músico que neste sábado, 25, apresenta um concerto intimista na Assembleia Nacional, na Cidade da Praia.
Por outro lado, em véspera de mais uma gala do Cabo Verde MusicAwards (CVMA), a realizar-se no próximo dia 01 de Junho no Porto da Praia, Tcheka considerou se tratar de uma “boa” forma de promover a música e os artistas.
“Mas, por outro lado, precisa de um outro tipo de premiação, ou seja, um prémio com significado, que promova os artistas a trabalharem mais”, apontou o músico, considerando que Cabo Verde precisa “urgente” de uma Conservatória de Música.
Isto porque, segundo o entrevistado da Inforpress, a falta de uma formação musical tem levado ao aparecimento de MC´s, “aliada às facilidades das novas tecnologias”, lhes proporcionam um retorno económico muito mais fácil.
“Precisamos investir na nossa música tradicional e para isso tem que formar músicos”, apontou Tcheka, considerando que os cabo-verdianos estão a precisar de mais educação musical, que, conforme reiterou, passa pela criação de uma Conservatória de Música.
Instado a pronunciar sobre o seu percurso musical, que começou muito cedo [nove anos], sendo filho do violinista Nhô Raul Andrade, cuja casa era uma verdadeira escola de música em Ribeira da Barca (Santa Catarina), Tcheka disse que está na música também com a missão de contar histórias.
De seu nome Manuel Lopes Andrade, Tcheka é autor, compositor e intérprete de toda a sua obra, que remonta ao ano de 2000. Editou o seu primeiro álbum ‘Argui!’, em 2003, que consagrou ao renascer do batuque, um ritmo tradicional feminino da ilha de Santiago, de onde é oriundo.
Editou o seu primeiro álbum “Argui” em 2003, seguido de Nu Monda (2005), Lonji (2007), Dor De Mar (2011) e BokaKafé (2017).
É considerado um dos mais originais e criativos músicos e intérpretes de Cabo Verde.

Dans la même catégorie