AIP L’administration du lycée moderne d’Issia mécontente des résultats du premier trimestre AIP Le lycée moderne de Prikro enregistre un taux de réussite de 48% au premier trimestre AIP Le secteur informel de Ferkessédougou sensibilisé sur les avantages de la loi de finance AIP Un camion de transport termine sa course dans une résidence à Dabakala INFOPRESS Ministro da Saúde reitera que director-geral da OMS visita Cabo Verde este ano APS LE RÈGLEMENT SANITAIRE INTERNATIONAL, À L’AUNE DE LA CRISE DU COVID INFORPRESS Fogo: Câmara de São Filipe prevê reactivar biblioteca municipal este ano – plano de actividades APS BBY REMPORTE 13 DES 17 COMMUNES DU DÉPARTEMENT DE LOUGA APS CAN 2021 : UN QUART DE FINALE POUR EFFACER LA MALDONNE ÉQUATO-GUINÉENNE APS MATAM : BBY MAJORITAIRE AU CONSEIL DÉPARTEMENTAL ET DANS SEPT DES 10 COMMUNES

Primeira Conferência Internacional dos Diamantes inicia hoje


  25 Novembre      20        Mode (25),

   

Luanda, 25 de Novembro (ANGOP) – A “Angola International Diamond Conference” (AIDC), que tem como objectivo divulgar a qualidade dos diamantes de Angola e atrair mais investimentos privados para o mercado deste mineral no país, começa nesta quinta-feira,25, no Pólo de Desenvolvimento Diamantífero de Saurimo (Lunda Sul).

Sob o lema “Angola: Destino para o Investimento Sustentável na Indústria de Diamantes”, essa primeira Conferência Internacional dos Diamantes vai decorrer até ao dia 27 deste mês, contando com a presença de ministros de minas das principais nações africanas produtoras de diamantes.

O certame contará igualmente com líderes de empresas diamantíferas, especialistas nacionais e internacionais, entre outras individualidades.

Durante três dias, os participantes à AIDC vão analisar e debater temas como « Os rendimentos na indústria diamantífera, nos últimos cinco anos », « Métodos e disponibilidade de dados », « Investigação geológica », « Resultados de áreas com potencial mineiro » e « Desafios e impactos nas comunidades ».

Depósitos primários e secundários, prospecção, análise de mercado de diamantes, pesquisa de tendências de joalharia e dados de laboratórios, bolsa, futuro do mercado e financiamento sustentável e a exploração mineira e desenvolvimento de projectos diamantíferos em Angola são outros assuntos a serem analisados.

Com uma capacidade de produção de mais de oito milhões de quilates por ano, Angola é o quinto maior produtor mundial de diamantes, com 13 por cento da extracção deste mineral, sendo as províncias da Lunda Norte e Lunda Sul as principais áreas de exploração diamantífera.

Em África, o país ocupa a segunda posição, a seguir ao Botswana. Para este ano, Angola prevê atingir a produção de 9 milhões de quilates de diamantes. Em Angola, os primeiros registos de ocorrência de diamantes verificaram-se em 1590, enquanto os primeiros cristais classificados como diamantes foram descobertos em 1909.

Dans la même catégorie