MAP BANK OF AFRICA étoffe les services de sa banque en ligne par l’épargne ANP Le Président de la République préside une réunion du conseil supérieur de la défense nationale ANP Tahoua : Un incendie consume 16 boutiques dans un marché de la ville APS L’INSTITUT DE DÉFENSE DU SÉNÉGAL INAUGURÉ AU CAMP IDRISSA-FALL APS UNE RALLONGE DE 45 MILLIARDS POUR LA MODERNISATION DU MINISTÈRE DE L’ENVIRONNEMENT APS LE FONSIS ET L’AFREXIMBANK EN SYNERGIE POUR ACCOMPAGNER LES PORTEURS DE PROJETS Inforpress São Vicente: Festival de desporto para atletas com deficiência dá início às comemorações dos 100 anos da travessia aérea Inforpress Relatório sobre últimas eleições presidenciais revela que a imprensa deu uma cobertura igualitária aos candidatos Inforpress Profissionais de saúde lusófonos debatem “resistência antimicrobiana” em ‘webinar’ Inforpress PR animado com sinais de retoma teme evolução da pandemia que possa levar a um novo fechamento

São Vicente: Artistas organizam performance para pedir intervenção de autoridades nos casos de violência e abuso sexual de menores


  24 Juillet      13        Arts plastiques (44),

   

Mindelo, 24 Jul (Inforpress) – Um grupo de artistas de teatro no Mindelo pretende realizar, este sábado, uma performance para pedir a intervenção das autoridades nos casos de violência e abuso sexual de menores, que já se tornaram frequentes.
A informação foi avançada à Inforpress pela actriz Janaína Alves, que promove a iniciativa juntamente com o actor João Branco.
Segundo a mesma fonte, o objectivo é sair às ruas da cidade do Mindelo, por volta do meio-dia deste sábado, 25, e realizar uma performance a fim de pedir às autoridades do País uma “atenção maior” para o aumento das punições nos casos de violência e abuso sexual contra menores em Cabo Verde.
“Não podemos mais calar sobre esse assunto. Mais uma vez somos confrontadas com um caso hediondo que aconteceu em Santo Antão com uma menor de 12 anos, com abusos frequentes, e saber que os acusados estão com Termo de Identidade e Residência (TIR) esperando um julgamento sem saber quando e como vai acontecer”, defendeu.
Janaína Alves disse que 15 artistas já confirmaram a sua presença, mas esperam aumentar esse número e reunir o máximo de actores e actrizes do Mindelo.
“Temos, como artistas e cidadãos, que exigir que as leis sejam revistas. Sabemos que está no parlamento um projecto de lei para aumento das penas que, desde Fevereiro, foi entregue à Assembleia. Porque não tratam logo disso?”, questionou.
Desta forma, ajuntou, querem chamar a atenção das autoridades para que se aumente a pena para esses casos.
“Embora saibamos que as vítimas ficam com sequelas para a vida toda, a justiça seria no mínimo um consolo para essas famílias”, considerou Janaína Alves, para quem essa é uma “questão de direitos humanos em Cabo Verde”.
A actriz assegurou que estão tendo em conta as medidas de segurança exigidas pela actual pandemia, tanto que o acto vai ser realizado na rua e mantendo o distanciamento social necessário.

Dans la même catégorie