APS MACKY SALL GRACIE 551 PRISONNIERS À L’OCCASION DE LA KORITÉ APS MACKY SALL GRACIE 551 PRISONNIERS À L’OCCASION DE LA KORITÉ APS MACKY SALL GRACIE 551 PRISONNIERS À L’OCCASION DE LA KORITÉ AIP Un incendie ravage des magasins au marché central de Bonoua AIP Bédié regagne Daoukro après un an d’absence GNA Two jailed 26 years over attempted robbery GNA Gyamfi’s double powers Kotoko past Ebusua Dwarfs INFORPRESS Le président de la FCF défend que toutes les institutions sportives soient auditées INFORPRESS Handball: New women’s handball coach wants Cape Verde to make history at CAN INFORPRESS Santo Antão: Coordenação do projecto Apoio ao Micro Empreendedorismo Feminino preocupada com problemática do lixo

Cap vert: SITTHUR exige da administração da TACV o pagamento das pensões dos trabalhadores que aderiram ao processo da pré-reforma


  12 Septembre      21        Job (216), Photos (3802), Society (27062),

   

Cidade da Praia, 12 Set (Inforpress) – O SITTHUR quer que a administração da TACV garanta o pagamento das pensões dos trabalhadores que aderiram ao processo de pré-reforma, uma vez que o Governo garantiu que a empresa será privatizada até ao final do ano.

Em declarações à Inforpress, o secretário permanente do Sindicato dos Transportes, Telecomunicações Hotelaria e Turismo (SITTHUR), Carlos Lopes adiantou que o acordo entre a Direcção Geral do Tesouro, o Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) e a administração da TACV, anunciado em Dezembro do ano passado, ainda não foi assinado.

Segundo explicou, o acordo visa dar garantias quanto ao pagamento das pensões de reforma futuras dos trabalhadores, do processo de pré-reforma, e vai transferir a gestão das mesmas para o INPS.

Tendo em conta que o Governo anunciou que o processo de privatização da Cabo Verde Airlines “ficará concluído” até ao final do ano, o sindicalista avançou que há uma “incerteza muito grande” no seio dos trabalhadores, uma vez que não há garantias sobre as respectivas pensões e que, a par dessa situação, as pensões são pagas com “sucessivos atrasos”.

Explicou que em relação aos outros programas de reforma antecipada, o INPS tem recebido das empresas os valores correspondentes aos descontos quer dos trabalhadores quer dos empregadores até a data que o trabalhador atingir a idade da reforma oficial, que é 60 para mulheres e 65 para homens.

AV/ZS

Inforpress/Fim

Dans la même catégorie