ACP Le ministre de l’Industrie et le DG du FPI Patrice Kitebi échangent sur les contrats signés entre la RDC et l’Egypte GNA Chief breaks ground for multipurpose Nkawkaw Palace GNA President fulfills promise to Black Satellites after Youth Championship triumph GNA CIMG launches professional marketing qualifications in Ghana MAP RDC: le SG de l’ONU condamne fermement l’attaque perpétrée contre la MONUSCO au Nord-Kiv, tuant un Casque bleu MAP Observation mercredi du croissant lunaire annonçant le début du mois de Chaoual (ministère) MAP Côte d’Ivoire : Face au déficit d’électricité, un programme de « rationnement » MAP Questions migratoires: M. Laftit souligne le leadership de SM le Roi qui érige le Maroc en modèle régional MAP La reconnaissance US de la marocanité du Sahara a contraint « les uns à dévoiler leurs cartes, les autres à sortir du bois » (Quid.ma) MAP M. Bourita s’entretient avec son homologue gambien

IMC promove marcha para assinalar a data


  4 Mars      3        Society (26804), Women's Leadership (335),

   

Bissau, 04 Mar 19 (ANG) – O Instituto da Mulher e Criança (IMC) vai promover uma marcha alusiva ao Dia Internacional das Mulheres que se celebra no próximo 8 de Março com o itinerário – sede do parlamento até ao Palácio de Governo.

Em entrevista exclusiva esta segunda-feira à ANG, a presidente da Comissão Organizadora das atividades do dia 8 de Março, Manuela Cabral Marcelino disse que o instituto agendou várias atividades para comemorar a efeméride, com destaque para o debate televisivo sobre a importância de 8 de Março.

Informou que vai ser divulgada a lei de paridade promulgada recentemente pelo Presidente da República, justificando que a intenção é fazer com que as pessoas conheçam essa lei e que seja implementada.

Manuela Marcelino disse que pretende realizar um ateliê sob o lema, « Mecanismo de Implementação da Lei de Paridade », onde serão convidados diferentes de organizações e entidades ligadas às mulheres para discutir sobre a forma da sua aplicação, salientando, contudo, que, devido à falta de financiamento no momento, esse ateliê será realizado depois do dia 8 de março.

« Depois do ateliê vão ser elaboradas as recomendações que vão ser entregues na Assembleia Nacional Popular, Presidência da República e Tribunais, a fim de ajudar na fiscalização do cumprimento da Lei de Paridade », revelou.

Ainda no quadro das atividades alusivas ao 8 de março, Manuela Marcelino disse que vão realizar um jantar de confraternização para homenagear todas as Presidentes cessantes do IMC e das organizações defensores dos direitos das mulheres.

Apelou as mulheres a saírem as ruas a fim de marcharem juntos para fazer com que os homens sentam os seus ecos, fazendo-os saber que as mulheres estão na mesma voz, acrescentando que apesar de coincidir com o último dia da campanha eleitoral, as mulheres devem fazer o seu trabalho.

Dans la même catégorie