INFORPRESS Covid-19/Fogo: Delegacia de Saúde estima vacinar 90% da população com duas doses até final do ano – delegada INFORPRESS Covid-19/Fogo: Delegacia de Saúde estima vacinar 90% da população com duas doses até final do ano – delegada INFORPRESS Governo vai transformar a Direcção Geral do Trabalho em autoridade com maior autonomia INFORPRESS Porto Novo: Posto do Turismo enaltece “boa dinâmica” na retoma do turismo  INFORPRESS Porto Novo: Posto do Turismo enaltece “boa dinâmica” na retoma do turismo  INFORPRESS Presidente da República diz apreciar “crescimento, desenvolvimento e modernização rápida” da ilha do Sal  INFORPRESS VIH-Sida: Governo aponta “caminhos importantes” a trilhar ligados aos estereótipos INFORPRESS VIH-Sida: Rede nacional das pessoas portadoras denúncia “estigma social, estereótipos e desigualdades” INFORPRESS VIH-Sida: Rede nacional das pessoas portadoras denúncia “estigma social, estereótipos e desigualdades” ANG Fórum China-África / «As respostas principais que a crise necessita não foram dadas» diz Carlos Lopes

Governo esclarece sobre projecto Bairro dos Ministérios


  1 Août      9        Politics (17315),

   

Luanda, 01 de Agosto (ANGOP) – O Governo angolano esclareceu, nesta quarta-feira (31de Julho), que o Projecto do Centro Político Administrativo, no futuro Bairro dos Ministérios, será executado com recursos financeiros de investidores privados.

A explicação foi prestada pelo ministro da Construção e Obras Públicas, Manuel Tavares de Almeida, em reacção às críticas da sociedade em relação ao Projecto de construção do Bairro dos Ministérios, apresentado dia 23 de Julho.

Defende que este Projecto não entra nos Projectos de Investimentos Públicos (PIP) do Orçamento Geral do Estado durante a fase de construção, porque será realizado com financiamento ao investidor privado e não ao Estado.

Tavares de Almeida esclarece que caberá ao Estado disponibilizar o terreno infraestruturado ao investidor, tarefa a ser executada, em cumprimento do Despacho Presidencial nº.19/19 de 8 de Fevereiro.

Explicou que o valor de USD 344.007.625, a ser pago em 7 anos, inclui o realojamento das populações e a infraestruturação do terreno com redes de esgotos, drenagem, água, electricidade e telecomunicações.

O valor inclui igualmente arruamentos, parques de estacionamento e zonas verdes, bem como as estações de transformação de energia, de tratamento de água e de esgotos.

Governo esclarece sobre projecto Bairro dos Ministérios


  1 Août      10        Politics (17315),

   

Luanda, 01 de Agosto (ANGOP) – O Governo angolano esclareceu, nesta quarta-feira (31de Julho), que o Projecto do Centro Político Administrativo, no futuro Bairro dos Ministérios, será executado com recursos financeiros de investidores privados.

A explicação foi prestada pelo ministro da Construção e Obras Públicas, Manuel Tavares de Almeida, em reacção às críticas da sociedade em relação ao Projecto de construção do Bairro dos Ministérios, apresentado dia 23 de Julho.

Defende que este Projecto não entra nos Projectos de Investimentos Públicos (PIP) do Orçamento Geral do Estado durante a fase de construção, porque será realizado com financiamento ao investidor privado e não ao Estado.

Tavares de Almeida esclarece que caberá ao Estado disponibilizar o terreno infraestruturado ao investidor, tarefa a ser executada, em cumprimento do Despacho Presidencial nº.19/19 de 8 de Fevereiro.

Explicou que o valor de USD 344.007.625, a ser pago em 7 anos, inclui o realojamento das populações e a infraestruturação do terreno com redes de esgotos, drenagem, água, electricidade e telecomunicações.

O valor inclui igualmente arruamentos, parques de estacionamento e zonas verdes, bem como as estações de transformação de energia, de tratamento de água e de esgotos.

Dans la même catégorie