- FAAPA ENG - https://www.faapa.info/en -

Covid-19/África do Sul detecta primeiros casos de variante indiana

Bissau, 11 Mai 21 (ANG) – As autoridades da saúde da África do Sul detectaram os primeiros casos de infecção no país com uma variante do novo coronavírus inicialmente identificada na Índia, anunciou segunda-feira o ministro da Saúde sul-africano.
Zweli Mkhize referiu que « quatro casos » da variante B.1.617.2 foram detectados em duas províncias do país – dois em Gauteng e outros dois no KwaZulu-Natal, em pessoas provenientes da Índia.
O governante sul-africano adiantou que uma outra variante do novo coronavírus, a B.117, detectada pela primeira vez no Reino Unido, foi também identificada no país com 11 casos confirmados.

« Reiteramos que não existe motivo para pânico, uma vez que as medidas de resposta em termos de saúde pública – testagem, identificação de contactos, isolamento e quarenta, não se alteraram », salientou o ministro da Saúde sul-africano.

O Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis da África do Sul (NICD, na sigla em inglês), disse que todos os casos identificados se encontram isolados segundo as regras de contenção da covid-19 em vigor o país.

A África do Sul, com 10.887.709 de testes de covid-19 realizados, contabiliza um cumulativo de 1.596.595 casos de infecção pelo novo coronavírus e 54.735 mortos associadas à doença da covid-19, segundo as autoridades da saúde sul-africanas.

Nas últimas vinte e quatro horas, o país registou 1.778 novos casos de infecção, anunciou o Governo, salientando que o cumulativo de doentes recuperados totaliza 1.516.256 pessoas, representando uma taxa de recuperação na ordem dos 95 por cento.

O número de funcionários da saúde vacinados até à data no país totaliza 383.480, referiu o ministério da Saúde sul-africano.