LINA Senate Commits To Free, Fair Election In Liberia LINA Health Minister Urges Involvement In CHW Symposium LINA Health Ministry Plans Free DNA Test Across Liberia NAN Nigeria to export skilled labour to Europe – NBTE MAP COM2023: Morocco Calls for Refocusing Spending on Better Targeted Forms of Social Protection Alongside Income Support GNA Beneficiaries of Innovations for African Universities project urged to be innovative, change ambassadors LINA US Deeply Concerned About Pervasive Graft In Liberia LINA Senate Modifies, Passes Pension Benefits Into Law LINA Pres. Weah Orders Officials Seeking Election To Resign LINA Indian Businessman Urges JJREF To Invest In Digital Education

Exposição « Angola Janga » arranca esta sexta-feira


  26 Juin      15        Arts & Cultures (1855), Plastic Arts (50),

   

Luanda, 26 de Junho (ANGOP) – Uma exposição denominada « Angola Janga » inicia-se esta sexta-feira (28) e prolonga-se até 11 de Agosto próximo, em Luanda, numa iniciativa do Centro Cultural Brasil-Angola e a embaixada do Brasil acreditada em Angola.
O facto foi anunciado terça-feira (25), em conferência de imprensa, pelo embaixador do Brasil acreditado em Angola, Paulino Franco de Carvalho Neto, tendo sublinhado ser a exposição baseada num trabalho de banda desenhada de autoria do cartoonista e professor brasileiro Marcelo D’Salete.
A exposição é parte do prémio mais relevante a nível do Brasil « Jabuti 2018 », na categoria « história em quadrinhos », denominação da banda desenhada no Brasil, ganho pelo cartoonista.
« Angola Janga » ou seja « Pequena Angola » é um símbolo do Quilombo dos Palmares, principal foco de resistência à escravidão no Brasil colonial, formado em fins do século XVI, em Pernambuco.
O Quilombo dos Palmares constituiu, por mais de 100 anos, um « verdadeiro reino africano em terras brasileiras » . A data da morte de Zumbi dos Palmares (20 de Novembro) tornou-se o « Dia Nacional da Consciência Negra ».
O projecto visa fomentar o gosto pela leitura e promover a literatura em língua portuguesa, utilizando a capacidade das bandas desenhadas de contar histórias relevantes de forma lúdica e fácil compreensão ao público e em todas as idades. Por outro lado, visa também fomentar o intercâmbio entre artistas e apreciadores da « nona arte » do Brasil e de Angola.
Segundo o diplomata, a exposição « Angola Janga  » evidencia a contribuição das populações de origem africana para a formação política, económica e sociocultural do Brasil e traz uma reflexão até aos dias actuais.
Anunciou também a deslocação a Angola, na segunda quinzena de Julho próximo, do autor da exposição para participar do evento com uma série de oficinas, palestras e entrevistas.

Dans la même catégorie