AIP Des Ivoiriens de la diaspora s’activent pour la relance économique post – COVID-19 AIP Côte d’Ivoire-AIP/ JIF 2021: Pr Ly Ramata Bakayoko annonce des innovations et invite les femmes à se l’approprier AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Législatives 2021: Le nouveau député de Zuénoula commune salue l’esprit d’apaisement du scrutin Inforpress PERFIL: “Sou agricultora e feliz mesmo que tiver apenas arroz para cozinhar” – Lúcia Monteiro Inforpress São Vicente: “É evidente que a desigualdade social está a aumentar em Cabo Verde” – líder do PAICV Inforpress Manifestações sindicais exigindo o cumprimento das promessas feitas pelo Governo são “partidárias” – MpD GNA Village Savings and Loans scheme empowering rural women in Adansi north GNA Koforidua GPRTU intensifies road safety campaign GNA Ultra-Modern Plaza being built for Essikado APS LE PRÉSIDENT DU NIGER, MAHAMADOU ISSOUFOU, LAURÉAT DU PRIX IBRAHIM 2020

Hospital da Praia quer inovar para ter técnicos e utentes satisfeitos – direcção


  18 Janvier      15        Santé (9593),

   

Cidade da Praia, 18 Jan (Inforpress) – O Hospital Dr. Agostinho Neto (HAN) está a trabalhar para inovar e ver satisfeitos os técnicos de saúde e os utentes que procuram o estabelecimento hospitalar para tratamento, disse Imadoeno Cabral à Inforpress.
“Primeiro queremos trabalhar dentro de saúde e depois vamos trabalhar para satisfazer os doentes. Neste caso, particular, o de haver mais humanismo no tratamento, é preciso mais do que a formação pois a corrente de atendimento não é feita apenas pelos médicos”, declarou o presidente do conselho de administração do HAN, sublinhando que no atendimento existe uma equipa que começa no porteiro e termina no médico.
Neste caso, e para dar maior satisfação aos utentes, Imadoeno Cabral adiantou que primeiro quer satisfazer os profissionais de saúde para depois resolver a dos utentes.
Para isso, realçou que vai criar um gabinete de atendimento de saúde ocupacional, com o atendimento de uma médica, assistente social e psicólogo.
“Este gabinete vai disponibilizar formações a grupos específicos para um melhor atendimento”, declarou a mesma fonte, ajuntando que quer fazer uma gestão “com base nos indicadores e não na insatisfação”.

Dans la même catégorie