GNA E. African security experts, policymakers urge concerted efforts in conflict resolution GNA U.S. to raise bar for « made in America » products GNA Sudan, South Sudan to address oil flow constraints AGP Matoto-Route : trois jeunes tués dans un accident de la circulation GNA NC cancels meeting with clubs GNA Mother of former Nigeria national football coach kidnapped again by gunmen: police GNA 20 million children fail to receive lifesaving vaccines in 2018: UN APS CAN 2019 : LA DÉFAITE EN MATCH DE POULE EST OUBLIÉE (CAPITAINE) APS PLAIDOYER POUR LA CONSTRUCTION D’UN HÔPITAL DE NIVEAU 2 À VÉLINGARA APS LA QUALIFICATION EN FINALE VA RAPPORTER 1, 4 MILLIARD DE FRANCS AU SÉNÉGAL

PR defende liderança de transformação para construção de um mundo diferente e multicultural


  19 Juin      4        Photos (21279), Politique (23689),

   

Cidade da Praia, 19 Jun (Inforpress) – O Presidente da República defendeu esta terça-feira, em Bruxelas, durante as Jornadas Europeias de Desenvolvimento, que é preciso homens e mulheres com coragem para exercer uma liderança de transformação para construção de um mundo diferente e multicultural.
Segundo Jorge Carlos Fonseca, está-se num momento em que se verifica o sofrimento de “milhares de famílias desestruturadas e destruídas” por falhas das políticas socioeconómicas e também por vários conflitos em que homens, mulheres e crianças abandonam os seus países à procura de uma vida melhor e em busca da paz.
Nesta óptica, defendeu que, para fazer face à esta realidade, é preciso que emerjam homens e mulheres com coragem para exercerem uma liderança de transformação capaz de abrir os horizontes e encorajar os decisores e os cidadãos a procurarem soluções para a construção de um mundo diferente e multicultural. Isto, sublinhou, num quadro de salvaguarda dos direitos humanos e liberdades fundamentais e da promoção do bem-estar dos povos.
“É construindo e consolidando tais valores e adoptando políticas que tenham o homem e o seu habitat como destinatários que será possível travar a gritante desigualdade entre as nações e evitar que muitos dos nossos jovens tenham o mediterrâneo como horizonte”, afirmou o Chefe de Estado de Cabo Verde.
Falando sobre o lema do evento “Abordando desigualdades: Construindo um mundo que não deixa ninguém para trás”, Jorge Carlos Fonseca realçou que o tema “é de grande actualidade” uma vez que as desigualdades sociais podem minar a coesão social e comprometer o desenvolvimento de qualquer país.
A este propósito lembrou que nenhum país, desenvolvido ou em desenvolvimento, está imune às desigualdades sociais, tão pouco aos seus efeitos no bem-estar das populações e na estabilidade da sociedade.
CD/ZS

Dans la même catégorie