AIP Covid-19 : Le Royaume-Uni enregistre un nouveau record de 1820 décès en 24 heures AIP AIP/ La Côte d’Ivoire veut contribuer à l‘élaboration d’un nouveau programme pour la biodiversité ACI Approbation du projet de loi sur la convention d’exploitation minière entre le Congo et la Soremi S.a ACI L’entraineur Barthélémy Ngatsono confiant pour le match Congo-Niger ACP Le gouvernement approuve le projet de loi portant sur le gel des avoirs ou des actifs liés au terrorisme ACI Le Conseil des ministres approuve le projet de création de l’Imprimerie nationale du Congo ACI Validation du Plan local d’urbanisme pour faciliter l’implantation des futures constructions ACI Formation des experts nationaux sur les exigences dans la conception des toilettes ACI 14 localités bientôt connectées au réseau électronique GNA Constantly educate children to wear nose mask – Director urges

VII Fórum “Pensar Safende” debate novas perspectivas e desafios do bairro Safende


  25 Novembre      8        Société (27532),

   

Cidade da Praia, 25 Nov (Inforpress) – O 7º Fórum “Pensar Safende” que acontece no dia 28 de Novembro, irá debater novas perspectivas e desafios, visando promover o desenvolvimento da referida comunidade da Cidade da Praia, disse o gestor do “projecto Safende”.
Em declarações à Inforpress, Ivan Moreira precisou que o fórum tem sido realizado desde 2010 e que este ano com o lema “Novos tempos, novas responsabilidades, mais colaboração, mais oportunidade e mais esperança”, pretendem lançar um novo olhar ao bairro, com foco na melhoria da qualidade de vida das pessoas desta comunidade.
Conforme elucidou, o principal objectivo deste debate público “é criar soluções de melhoria para a comunidade, bem como projectar Safende para um novo nível”, rumo ao desenvolvimento.
O Fórum “pensar Safende”, adiantou, é destinado à população em geral e aos safendenses em particular, e conta com a explanação de dois painéis, sendo que o primeiro irá abordar a retrospecção e reflexão sobre os avanços e os desafios do bairro nos últimos 10 anos, e o segundo retrata as perspectivas de desenvolvimento da comunidade nos próximos 10 anos.
Segundo este responsável, apesar da situação pandémica que assola o País, este ano optou-se por manter a linha dos anos anteriores, garantindo, no entanto, o cumprimento de todas as medidas impostas pelas autoridades sanitárias no combate e propagação da covid-19.
Ivan Moreira advogou que, tendo em conta que Safende já tem um historial de intervenção de cerca de 12 anos de trabalhos realizados em prol do seu desenvolvimento, “já é tempo de levar o bairro a um outro patamar e assumir novas responsabilidades”, mas sempre atento, especialmente, na empregabilidade dos jovens e na inclusão social.
O responsável destacou ainda os ganhos alcançados com o “projecto Safende”, que por sua vez tem transformado a comunidade na promoção e melhoria da segurança comunitária, comunicação comunitária, ambiente e educação comunitária, ressaltando que este ano espera haver um maior engajamento da população, sobretudo dos residentes.
Ivan Moreira informou, por outro lado, que os dados do último diagnóstico colaborativo comunitário realizado pela associação apresentaram resultados positivos sobre a juventude local, que tem conseguido entrar no mercado de trabalho e ingressar nas universidades, sublinhando que o mesmo documento indica que houve uma diminuição do consumo do álcool.
“A dinâmica social faz surgit novos desafios, mas a associação tem estado a trabalhar na colmatação dos mesmos”, disse, apontando os danos causados pelas últimas chuvas, em que Safende foi um dos bairros da capital mais afectado pela enxurrada.
O VII fórum “Pensar Safende” conta com os tradicionais parceiros da Associação Safende Di Nós, Policia Nacional, Centro de Saúde de Ponta D´água, Rádio Comunitária de Safende, entre outras associações de cariz social.

Dans la même catégorie