INFORPRESS Ulisses Correia e Silva points out populism and excessive demagogy as threats to democracy INFORPRESS Tarrafal: l’Office au service des émigrants ouvre les portes pour «réchauffer» la relation avec l’émigration INFORPRESS Lisbonne: Le Centre Culturel de Cabo Verde accueille l’exposition de peintures «KONEXON» INFORPRESS PM states that January 13 is much more than a date on which the first elections were held INFORPRESS Porto Novo: FAO disponibiliza quase dois mil contos para apoiar famílias envolvidas na agricultura urbana INFORPRESS Ataque cibernético: Serviços da Polícia Nacional estão a funcionar bem e não há roubo de nada – Paulo Rocha ATOP 70ème EDITION DE L’EXPOSITION UNIVERSELLE DUBAÏ 2020 : LANCEMENT DE LA CAMPAGNE DE PROMOTION DE LA PARTICIPATION DU TOGO AIP La police lance une vaste opération contre le grand banditisme à Abidjan AIP Satisfaction des populations de Niakara pour le projet de maintenance des pompes hydrauliques villageoises AIP Législatives 2021 : des militants de base RHDP de Grand-Bassam souhaitent le respect de leur choix

Balanço de fim do ano/Comissariado da POP regista um morto em 20 casos de acidentes de viação


  4 Janvier      20        Divers (942),

   

Bissau,04 Jan 21 (ANG) – O Comissário Nacional da Polícia de Ordem Pública, confirmou hoje o registo de um morto e dois feridos graves em 20 casos de acidentes de viação ocorridos em todo o território nacional durante as festividades do ano novo.

Tomás Dajssi, em conferência de imprensa sobre o balanço das comemorações do ano novo, disse que dos 20 casos de acidentes de viação, 16 foram de embates de viaturas, dois de atropelamentos e 2 de despistes.

Djassi informou que foram registados ainda oito casos de agressões físicas, um de disputa de posse de terra, um de difamação e injúria, um de violação de domicílio, quatro de consumo de droga (Liamba), cinco de furto, um de roubo, um de abuso de confiança e um de ofensa corporal.

Falando de outros casos de polícia ocorridos em Dezembro, o Comissário Nacional da POP , disse que no dia 29 registaram-se confrontos envolvendo os moradores das tabancas de Sumh Kactch e Sumh Tomkbé, no sector de Nhacra, região de Oio, e que resultaram na morte de quatro indivíduos tendo provocado 11 feridos graves, devido a disputa de posse de terra.

Aquele responsável policial disse que uma Comissão de Investigação que integra o Departamento de Informação Policial e Investigação Criminal da POP e a Judiciária está a trabalhar os processos relacionados à esses confrontos
.

Tomás Djassi acrescentou que nesse quadro já estão indiciados, preliminarmente, 30 cidadãos que já se encontram detidos, estando alguns implicados a monte.

Segundo Tomás Djassi, o processo será remetido ainda hoje ao Ministério Público para efeitos de acusação definitiva e consequente julgamento em tribunal.

Dans la même catégorie