AIP Côte d’Ivoire-AIP/ 12 coupeurs de route mis en déroute sur l’axe Koutouba-Mango APS DALIFORT : DES FEMMES FORMÉES AU TIC APS IBRAHIMA NIANE CONSTRUIT SON ASCENSION APS SAINT-LOUIS : LA PLACE FAIDHERBE REBAPTISÉE ‘’BAYA-NDAR’’ GNA Government will ensure employment security for communication sector workers APS TRANSFERT D’ALFRED GOMIS : DIJON ET RENNES S’ACCORDENT APS LA FPU INVITE À UN RETOUR AUX VALEURS DE LA FAMILLE AGP Le SEENA s’interroge sur l’avenir de l’éducation au Gabon AGP «Il n’y a aucun conflit entre le Gouvernement et les ordres religieux» (Ministre de l’Intérieur) AGP Gabon : Le Gouvernement allège le couvre-feu d’une heure

Eleição na FFGB/ “A nossa candidatura não reconhece Carlos Teixeira como candidato”,diz mandatário de Fernando Tavares


  16 Septembre      11        Politique (11387),

   

Bissau, 16 Set 20 (ANG) – O mandatário do candidato ao cargo de Presidente da Federação de Futebol da Guiné Bissau(FFGB) Sana Djau disse hoje que não reconhecem Carlos Teixeira(Caito) como um dos concorrente ao cargo.

Em declarações à ANG, Sana Djau disse que não compreenderam as razões que levaram a Comissão eleitoral a readmitir a candidatura de uma pessoa que já fizera uma declaração pública da sua desistência e o seu apoio à outra candidatura.

Disse que essa possibilidade podia acontecer se a Comissão Eleitoral tivesse anunciado uma nova reabertura de candidaturas, mas que não pode ser só para uma pessoa.

“No que toca a readmissão da candidatura, parece que a Comissão está a trabalhar à reboque do Comité Executivo cessante, porque desde que a FIFA impediu a candidatura de Manelinho, agora está a forçar a candidatura de uma pessoa que já tinha declarado, publicamente, a desistência e o seu apoio a outra candidatura”, disse.

Sana Djau garantiu contudo que vão participar no congresso agendado para o dia 30 de Setembro, e que vão accionar mecanismos para impugnar o acto caso seja confirmada a participação da candidatura de Carlos Teixeira para o cargo do Presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau.

“Para nós, o Carlos Teixeira não é candidato. Candidato para nós, são aqueles cinco que participaram no Congresso que decorreu no passado dia 08 de Agosto e os mesmos é que devem concorrer”, disse o mandatário de Fernando Tavares.

De acordo com Sana Djau, a FIFA na sua carta, recomendou apenas a reorganização do congresso, mas nunca falou na readmissão de outras candidaturas.

“As pessoas estão a fazer tudo o que puderem para manter nas suas funções, mas eu acho que não deve ser assim, porque podiam apoiar um candidato entre os cinco para poderem continuar nas suas funções”, indicou .

Perante esta situação, Sana Djau prometeu fazer o uso dos seus direitos ou seja aquilo que a lei lhes assiste para apresentar uma reclamação junto da comissão eleitoral.

Por outro lado, criticou a intenção da Comissão eleitoral de realizar o congresso para eleger apenas o presidente da Federação de Futebol da Guiné Bissau.

Acrescentou que os 48 congressistas ficarão fora da sala onde o congresso vai decorrer e terão que entrar um de cada vez para o exercício do seu direito de voto, o que considera de “inaceitavél”.

“ O Congresso é um acto de congregação de pessoas e o acto de eleição decorre dentro de um congresso e não deve ser assim. Se até hoje o congresso não teve lugar, é porque a sala em que Comissão pretendia que o acto se realizasse não tem condições no que refere as regras de distanciamento físico como exige o Alto Comissariado da Covid-19”, explicou.

Segundo Sana. a Secretária-geral da Federação de Futebol, após uma reunião com o Movimento Nacional da Sociedade Civil, afirmara que o congresso vai ser realizado na sala da reunião da Federação.

“Sabem que o Alto Comissariado de Covid-19 tinha dito que essa sala não reúne condições para albergar o número das pessoas que vão participar no congresso”, disse.

Dans la même catégorie