APS MACKY SALL GRACIE 551 PRISONNIERS À L’OCCASION DE LA KORITÉ AIP Un incendie ravage des magasins au marché central de Bonoua AIP Bédié regagne Daoukro après un an d’absence GNA Two jailed 26 years over attempted robbery GNA Care International and Mars Incorporated to empower women cocoa farmers ANP Le Gouvernement nigérien adopte sa Déclaration de Politique Générale GNA Gyamfi’s double powers Kotoko past Ebusua Dwarfs INFORPRESS Le président de la FCF défend que toutes les institutions sportives soient auditées INFORPRESS L’association syndicale de la PJ garantit qu’il y a un «sentiment d’unité» et que la classe «se sent très respectée» INFORPRESS Handball: New women’s handball coach wants Cape Verde to make history at CAN

Ministério da Educação lança na Praia projectos “importantes” direccionados a jovens e mulheres


  21 Octobre      28        Education (4848),

   

Cidade da Praia, 21 Out (Inforpress) – A ministra da Educação, Maritza Rosabal, presidiu terça-feira à cerimónia de apresentação do projecto MELISSA e dos projectos MAC INTERREG, sendo o primeiro direccionado às mulheres e o segundo aos jovens.

O projecto MELISSA, que vai contemplar sobretudo mulheres empreendedoras, e o do MAC INTERREG, que vai formar cerca de 885 jovens e adultos, são financiados no quadro da cooperação entre Cabo Verde e a Região Autónoma das Canárias.

Em declarações à imprensa, à margem do acto de apresentação a ministra da Educação afirmou que os referidos projectos vão desenvolver-se com recurso às novas Tecnologias de Comunicação e Informação (TIC).

Conforme afirmou, esta cooperação iniciou-se em Abril de 1999, através da Rádio ECCA, Fundação Canárias, tendo como principais objectivos a promoção cultural e a “elevação da formação de jovens e adultos”, com recurso à tecnologia do Sistema ECCA de formação à distância.

A ministra sublinhou, ainda, que ao longo da cooperação entre Cabo Verde e as Ilhas Canárias a Rádio ECCA deu um “valioso contributo” na educação de jovens e adultos cabo-verdianos em diversos sectores, além de ter permitido montado “equipamentos mais modernos” na Rádio Educativa, proporcionou a formação de pessoas em várias áreas, nomeadamente na manipulação de alimentos.

Segundo a governante, o projecto tem por objectivo formar um grupo de 250 mulheres em matéria de técnicas sustentáveis para a agricultura, assim como o uso eficiente da água e o sistema de rega gota-a-gota.

Os referidos projectos custam à volta de três mil contos e são implementados pela Direcção Nacional de Educação, que contará com o apoio das delegações da Educação nos concelhos, bem como de diversos parceiros nacionais públicos e privados.

Dans la même catégorie