GNA One dead, three injured in Volta Region secessionist disturbance AIP Visite d’Etat dans la Marahoué : Plaidoyer pour un appui technique et financier aux femmes du vivrier de Zuénoula AIP Alassane Ouattara invite les jeunes au travail pour consolider la paix AIP Identification: Le DG de l’ONECI à Bouaké pour s’enquérir de la situation de l’opération sur le terrain AIP Le secrétaire d’État chargé du service civique vante les mérites de son département AIP Des blogueuses se forment à la prévention des discours de haine sur les réseaux sociaux AIP La coordination RHDP du Kabadougou lance sa précampagne AIP Deux comités de veille et de prévention des conflits installés à Bondoukou APS DES JEUNES PÉPITES DE LA CAN U17 COMMENCENT À QUITTER LEUR NID APS BAISSE DE PLUS DE 50 % DES NOUVEAUX CAS DE COVID DANS AU MOINS 6 PAYS AFRICAINS

Giaba/Director-geral exalta apoio da CEDEAO à organização


  28 Août      8        Economie (9744),

   

Bissau,28 Ago 20 (ANG) – O Director-geral do Grupo Inter-Governamental contra o Branqueamento de Capitais na África Ocidental (GIABA) exalta apoio da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) à organização que dirige.

Kimelabalou Aba manifestou esta satisfação na abertura da 33ª Reunião da Comissão Técnica feita através da videoconferência, na qual afirmou que a Comissão da CEDEAO, apesar das dificuldades financeiras cada vez maior, nunca deixou de atender às diversas e variadas solicitações do Giaba, o que tem permitido à esta organização funcionar da melhor forma possível.

“A presente Plenária realiza-se nove meses após a anterior, organizada em novembro de 2019 em Saly, República do Senegal”, referiu.

Acrescentou que logo a seguir à última Plenária, o mundo inteiro entrou numa crise sanitária sem precedentes, lutando sempre contra uma doença provocada pelo novo coronavírus e que perturbou a vida socioeconómica de todas as entidades.

Disse que esta situação também teve impacto nas actividades do Secretariado do Giaba devido as suas repercussões nas viagens internacionais.

Aba frisou que nos próximos dois dias de trabalho irão examinar e aprovar nomeadamente o resumo do relatório das actividades do Director-geral, dos relatórios sobre Luta Contra o Branqueamento de Capitais e Financiamento do Terrorismo nos Estados Membros relativos ao 2019, o documento revisto de Processos e Procedimentos de Avaliações Mútuas do Giaba e o relatório da 33ª reunião da Comissão Técnica /Plenária.

No seu discurso, o DG do Giaba sublinhou que os relatórios de avaliação mútua, que aguardam análise bem como os de seguimento dos Estados Membros no quadro da segunda ronda, só serão tratados durante a Plenária que se realizará no formato habitual antigo, que se conta organizar em finais de 2020, se as condições sanitárias o permitirem.

Kimelabalou salientou que as restrições relativas às viagens impedem as visitas ao local, ao passo que as limitações técnicas e as quarentenas impedem o trabalho tanto dos avaliadores como dos revisores e dos Secretariados, em particular.

Referiu que o trabalho à distância não é o melhor devido a constrangimentos relacionados com o acesso e a disponibilidade de internet bem como à fluidez do tráfico.

Segundo o responsável do Giaba, o fecho de administrações que se seguiram, limitam a capacidade dos países avaliados de darem as suas contribuições para o processo, bem como para procederem comentários e observações de qualidade sobre os projetos de relatório que seriam disponibilizados.

“Assinala-se em 2020, o 20º Aniversário da Adoção dos Estatutos do GIABA. Trata-se de um acontecimento importante que está registado com letras de ouro nos anais da nossa Instituição e que nós esperamos assinalar devidamente, no fim deste ano, se as condições sanitárias de reencontros físicos o permitirem”, disse.

Adiantou que, como alternativa, os países membros da organização vão ter que contentar-se com uma celebração ligeira através das tecnologias da informação e da comunicação.

Tomaram parte na 33ª Reunião da Comissão Técnica Virtual do Giaba entre outros, o Vice-presidente da Comissão da CEDEAO, Finda Koroma em representação do Presidente e o ministro Delegado do Orçamento da República do Niger .

Dans la même catégorie