GNA Seven confirmed dead as two-storey building collapses in central Nigeria GNA Burundi to immunize health agents on borders to counter Ebola GNA Half of population in Sub-Saharan Africa to subscribe to mobile services by 2025: report GNA Membership milestone is world’s vote of confidence in AIIB APS VÉLINGARA : LA PREMIÈRE PIERRE D’UN POSTE DE SANTÉ DE 137 MILLIONS CFA POSÉE À NÉMA TABA APS THIÈS : 55 OFFICIERS DE LA 37-ÈME PROMOTION DE L’ENOA REÇOIVENT LEURS ÉPAULETTES APS SCEPTIQUE AU DÉPART, LE DTN APPLAUDIT L’ÉLARGISSEMENT DE LA CAN À 24 APS CAN 2019 : LES LIONS ONT GAGNÉ LE RESPECT DES FENNECS, SELON LE DTN APS TOUBA : LA SENSIBILISATION ET LA CONCERTATION POUR L’APPLICATION DES INTERDITS DU KHALIFE DES MOURIDES AGP Cameroun/CAN 2019 : le ministre des Sports annonce le limogeage de Clarence Seedorf

UE disponibiliza 12 milhões de Euros para Programas de resiliência


  19 Juin      12        Société (50804),

   

Lubango, 19 de Junho (ANGOP) – A União Europeia disponibilizou, este mês, 12 milhões de Euros para financiar programas das Organizações da Sociedade Civil (OSC) das províncias da Huíla, Namibe e Cunene, em benefício de mais de 800 mil famílias vulneráveis, no quadro do reforço do programa de Fortalecimento da Resiliência, Segurança Alimentar e Nutricional.

Estudos do Programa de Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutricional em Angola (FRESAN), realizados em 2017, indicam que um milhão, 139 mil e 64 pessoas dessas províncias estão afectados pela seca, em consequência das alterações climáticas.

Estes números representam 12 por cento da população rural da Huíla, 99 por cento do Namibe e 97 por cento dos habitantes das zonas rurais do Cunene.

Em declarações nesta quarta-feira (19) à Angop, no Lubango, o coordenador-geral da Unidade de Implementação Camões (UIC), que gere os fundos, Matteo Tonini, afirmou que o dinheiro deverá ser aplicado em projectos para a redução da fome, pobreza e vulnerabilidade, através do fortalecimento sustentável da agricultura familiar, no âmbito do Programa Indicativo Nacional para a Cooperação existente entre a União Europeia e a República de Angola (2014-2020).

O responsável sublinhou que, para a província da Huíla, o projecto vai incidir-se nos municípios dos Gambos, Chicomba, Humpata, Quilengues e Jamba.

Para o Namibe, a actuação prioriza o Tômbwa, Virei, Camucuio, Moçâmedes e Bibala, enquanto no Cunene estão seleccionados os municípios do Kwanhama, Ombandja, Cuvelai, Namacunde, Cahama e Curoca.

Dans la même catégorie