APS TOUTES LES PERSONNES AYANT COMMIS DES ACTES DE VANDALISME SERONT TRADUITES EN JUSTICE (MINISTRE) AIP Vers une collaboration entre la FAO et l’UNESCO en vue de réaliser les ODD en Côte d’Ivoire (Communiqué) AMI Ouverture du congrès constitutif de l’Union des anciens ministres de Mauritanie AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Plus 33.000 soldats pour sécuriser les élections législatives (CEMGA) AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Législatives 2021: La CEI Bouaflé déploie ses agents électoraux AIP Après la Côte d’Ivoire et le Ghana, la Guinée procède au lancement de la vaccination de masse contre la COVID-19 AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Le financement privé de la recherche publique au centre de la rentrée solennelle 2021 du CSRS AIP Côte d’Ivoire-AIP/Inter/ La Cour suprême rejette le recours de l’opposant ghanéen John Mahama AIP Côte d’Ivoire-AIP/International/ RSF dénonce une série d’atteintes à la liberté de la presse au Sénégal (Communiqué) AIP Côte d’Ivoire-AIP/ Législatives 2021 : Divo ne doit plus se transformer en champ de batailles à l’occasion des élections (Wanep-CI)

Governo quer que CENORF seja um centro de referência a nível nacional


  4 Février      18        Politique (15659),

   

Cidade da Praia, 04 Fev (Inforpress) – O ministro da Família e Inclusão Social assegurou que o Governo pretende aumentar o financiamento ao CENORF e reforçar as acções de formações no sentido de transforma-lo num centro de referência a nível nacional.
Fernando Elísio Freire, que falava esta tarde, de quarta-feira durante a cerimónia de inauguração das obras de remodelação e reabilitação do Centro Nacional Ortopédico e de Reabilitação Física de Cabo Verde (CENORF), considerou que por ser um sector muito sensível, o Governo tem dado uma grande importância.
“Continuando com aquilo que estamos a fazer, a nossa intenção para a próxima legislatura é aumentar o financiamento às Organização Não Governamentais (ONG), reforçar as acções de formação juntamente com os centros especializados em Portugal, para que o CENORF seja um centro de referência a nível nacional e que haja oportunidade para as pessoas de outras ilhas”, referiu.
Fernando Elísio Freire assegurou que nos últimos 4 anos, o Governo aumentou em 37% o financiamento das 13 associações que lidam com pessoas com deficiência.
Segundo o ministro, isto demonstra que o executivo está engajado em criar todas as condições para que as pessoas com deficiência tenham uma inserção activa no mercado de trabalho, no seu quotidiano, sempre numa lógica de autonomia com condições que lhes permitam viver numa sociedade de forma tranquila e normal.
“É este o caminho da autonomia dos cidadãos, da criação de condições para que possam ter acesso a todos os bens básicos a nível do rendimento, da saúde, da educação e do sistema nacional dos cuidados para aqueles que precisam do cuidado do Estado”, sublinhou.
Por seu turno, o presidente da Federação Cabo-verdiana das Associações de Pessoas com Deficiência (FECAD), António Melo, que agradeceu a todos aqueles que estiveram envolvidos neste projecto, declarou que vão continuar a contar com o apoio de Portugal e do Ministério da Família e Inclusão Social que, segundo o mesmo, tem feito um “excelente trabalho”.
Tendo em conta que é uma área transversal, António Melo lamentou o facto de o Governo não estar engajado nos projectos das pessoas com deficiência, mas disse esperar que na próxima legislatura possam ter um Governo e todo o Estado mais engajado nesta causa, por ser um sector que tem muita necessidade e que ficou muita mais visível com a conjuntura da covid-19.
“Nós precisamos muito do Governo, o facto de o ministro estar aqui presente na cerimónia é um sinal claro de abertura e do engajamento”, considerouA cerimónia de inauguração contou com a presença do embaixador de Portugal em Cabo Verde, António Albuquerque Moniz, que se mostrou confiante e esperançoso que a finalidade do centro possa ser replicada em noutras ilhas.
Orçadas em 5.500 contos, as obras foram financiadas pela cooperação portuguesa.

Dans la même catégorie