AIP Des éleveurs de San Pedro renforcent leurs capacités AGP Gabon : L’UDERE s’implante au village ‘’la Sango’’ GNA Medical Centre dedicates October for free breast screening GNA All our schools are accredited – ASICS ANP Zinder accueille, cette année, la célébration de la 42è Journée Mondiale de l’Alimentation APS L’ONG APRIECA RÉALISE UN COMPLEXE SCOLAIRE À KEUR MASSAR (RESPONSABLE) APS KAOLACK : LES FIDÈLES D’AUTRES PAYS À L’ASSAUT DE MÉDINA BAYE GNA Tema Community-2 Market women coached on proper handwashing AIP Distribution de kits scolaires au groupe scolaire Lokaha 2 de Sinématiali ANP Le Niger suspend les activités minières et de carrière dans la zone de Tamou (Zone des trois Frontières)

Jovem Mize Varela viu no artesanato uma forma de “driblar o desemprego”


  13 Décembre      30        Arts & Cultures (1778), Innovation (71),

   

Praia, 13 Dez (Inforpress) – A jovem Mize Varela encontrou no artesanato uma forma de “driblar o desemprego”, segundo disse à Inforpress, faz as suas peças em casa e aproveita as ferramentas online para as divulgar através das redes sociais.
Esta jovem do bairro do Paiol, na Cidade da Praia, apresenta-se “simplesmente” como Mize Varela, “uma jovem à procura do sonho de marcar o seu tempo com a diferença dos produtos que vai desenvolvendo”.
Mize Varela trabalha com bijutarias, hand made, uma das suas “grandes paixões”.
“Em 2015 comecei a fazer colar chokers mas, apenas para o meu consumo. Com o passar do tempo, as minhas produções começaram a ganhar impacto no seio das minhas amigas e, também, na minha comunidade académica, chamando a atenção das meninas”, informou.
Sendo assim, Mize disse que se viu perante o desafio de, além de produzir para o próprio consumo, confeccionar bijutarias como uma visão diferente, “mais empresarial”, com o objectivo de criar uma marca e ganhar algum com o seu trabalho.

Dans la même catégorie